Professora de Terapia Ocupacional participa do Curso de Assistência a Pessoa com Estomia na Esamaz

  • Publicado em 31/03/2019
  • Notícias Terapia Ocupacional
  • 545

O "Curso de Assistência a Pessoa com Estomia", promovido pelos acadêmicos do 5° semestre do Curso de Enfermagem, teve participação especial da Profa. Amanda Pires, representando a Coordenação do Curso de Terapia Ocupacional.
Em Mesa Multidisciplinar, Profa. Amanda abordou as contribuições da Terapia Ocupacional no processo de intervenção às pessoas com estomia .

"O paciente que necessita realizar a estomia passa por diversas mudanças em seu cotidiano que afetam sua relações sociais, trabalho, lazer, sexualidade, entre outros. A insegurança e temor de rejeição são prevalentes e impactam em sua imagem corporal, além de gerarem sentimentos negativos como: medo, angústia, ansiedade, tristeza e desamparo. As repercussões incidem, ainda, em vivências autodepreciativas, além de mudanças no repertório das Atividades de Vida Diaria (AVD) e Atividades Iinstrumentais se Vida Diária (AIVD).", explicou a professora Amanda, durante a palestra.

Ainda segundo ele, após 24 horas do processo pós- operatório, o profissional de Terapia Ocupacional deve realizar o treino de deambulação, intervir na aceitação da nova condição e adaptação do paciente ao equipamento coletor, treino e readaptação das AVDs e AIVDs.
" Este processo da Terapia Ocupacional envolve a avaliação e construção do plano terapêutico, de acordo com a demanda do paciente, suas condições clínicas, independência e aspectos psicossociais, visando facilitar seu desempenho ocupacional, assim como a observação dos papéis ocupacionais que estejam rompidos, para que sejam readequados e adaptados para essa nova condição"., concluiu a professora.