Enfermagem

Conheça os detalhes do curso de Enfermagem que a Esamaz oferece!

Conheça o Curso

O Curso de Graduação em Enfermagem - Bacharelado – da ESAMAZ está organizado em regime semestral e com matriculas semestrais. As disciplinas estão agrupadas em dez blocos semestrais, contribuindo para uma abordagem interdisciplinar, pela articulação de conteúdos complementares e sequenciais. A carga horária é de 5000 horas distribuídas em atividades teóricas, práticas e de estágio supervisionado e estrutura curricular que contempla as seguintes áreas do conhecimento:

• Ciências Biológicas e da Saúde

• Ciências Humanas e Sociais

• Ciências da Enfermagem

 

Os conteúdos de cada área estão relacionados ao processo saúde-doença do ser humano, entendendo como indivíduo, família e/ou comunidade, inserido no seu contexto histórico, social, econômico e político.

 

ATO AUTORIZATIVO

Enfermagem (Cód. 90615), Bacharelado, 200 vagas anuais. Autorizado pela Portaria 116, de 12/01/2006. DOU de 13/01/2006. Reconhecido pela Portaria 631, de 27/04/2009. DOU de 28/04/2009. O Reconhecimento foi Renovado pela Portaria 1, de 06/01/2012. DOU de 09/01/2012.

 

PERFIL DO EGRESSO

O curso de Enfermagem da ESAMAZ privilegia a formação de enfermeiro bacharel, com formação generalista, humanística, crítico, reflexivo e investigativo, com competências e habilidades técnico-cientifica, ético-política, social e educativa. O profissional deverá ser consciente de sua importância no processo de construção de uma sociedade democrática, justa e igualitária, capaz de intervir no processo saúde-doença, considerando o perfil epidemiológico nacional e da região, em todos os níveis de atenção à saúde.

 

Assim, este profissional deverá estar capacitado para:

  • Compreender as ciências como construções humanas, entendendo que estas se desenvolvem por acumulação, continuidade, ou por ruptura de paradigmas, relacionando o desenvolvimento científico com a transformação da sociedade.
  • Considerar a ciência e arte do cuidar como instrumento de interpretação e intervenção profissional.
  • Executar o cuidado de Enfermagem no ciclo vital, em todos os níveis de atenção à saúde.
  • Implementar as políticas de saúde e a atuar no planejamento, organização e gerenciamento dos serviços de enfermagem/ saúde.
  • Construir novas relações no processo de trabalho e na realidade social, favorecendo a resolubilidade das ações de enfermagem e de saúde.
  • Produzir novos conhecimentos em enfermagem/ saúde e buscar novas respostas aos problemas da realidade por meio da investigação científica.
  • Trabalhar em equipe multiprofissional, assumindo posições de liderança com compromisso, responsabilidade, empatia, habilidade para tomada de decisões, comunicação e gerenciamento de forma efetiva e eficaz, tendo sempre em vista o bem–estar da coletividade.

 

OBJETIVOS DO CURSO

Objetivo Geral

O curso tem por objetivo formar enfermeiros críticos-reflexivos voltados para a compreensão de determinação social do processo saúde-doença e suas conseqüências, comprometidos com as questões de mudanças na qualidade das práticas de vida e saúde das pessoas e grupos, empenhados na construção da especificidade do conhecimento no processo de cuidar em enfermagem e inserido no contexto político-social de uma prática de atenção à saúde.

 

Objetivos Específicos

A ESAMAZ ao propor implantação do curso de Enfermagem tem por objetivos:

  • Promover o ensino por meio de um processo de descoberta, onde o olhar crítico esteja inserido no aprendizado.
  • Formar enfermeiros generalistas, críticos e reflexivos que compreendam o homem em sua complexidade biopsicosocioespiritual e em sua interação com o meio ambiente, implementando medidas que atendam às reais necessidades básicas do ser humano.
  • Fomentar o prazer, o compromisso e a responsabilidade com a construção do conhecimento da vida e saúde, especificamente com a reinvenção do cuidado de enfermagem.
  • Analisar as relações sociais desenvolvidas no campo da saúde, por meio do estudo interdisciplinar, como forma de compreender os processos éticos e profissionais, inseridos na dinâmica social na área da saúde.
  • Construir um referencial teórico-metodológico que contribua no desenvolvimento de habilidades e competências no futuro enfermeiro, visando sua inserção no meio profissional.
  • Preparar profissionais capazes de desenvolver projetos junto à comunidade, motivando-a a interferir nos seus problemas de saúde considerando os fatores sócio–econômicos, políticos e culturais que influenciam no processo saúde-doença.
  • Estimular o desenvolvimento da capacidade de análise crítica e visão humanística da realidade, identificando seu potencial como agente de transformação social.
  • Fomentar a valorização dos códigos éticos, políticos e normativos da profissão como eixos norteadores da prática profissional.
  • Favorecer o desenvolvimento de atividades de enfermagem, de modo integral, nos diferentes níveis de atenção à saúde do indivíduo, família e dos grupos sociais, assegurando o cuidar com qualidade.
  • Incentivar o desenvolvimento da capacidade de gerenciar a assistência e os serviços de enfermagem e de saúde, avaliando o impacto das ações.
  • Estimular a participação efetiva do profissional nas organizações sociais e demais entidades, fortalecendo a sua competência técnico-científica, ético-política, social e educativa.
  • Fortalecer o reconhecimento do futuro profissional como agente transformador do processo de trabalho, procurando contribuir no aperfeiçoamento das dinâmicas institucionais, observando os princípios éticos, políticos e humanísticos.
  • Exercitar as práticas e a compreensão da convivência humana, na ambiência do exercício profissional de saúde/ enfermagem.
  • Analisar o processo de produção em uma unidade de Saúde da Família, avaliando o seu contexto social, os perfis epidemiológicos e as relações econômicas como respostas às necessidades de Saúde da população e do País;
  • Promover uma reflexão do processo de trabalho em uma unidade de Saúde da Família, destacando a contribuição do trabalho em equipe e a intervenção direta na promoção da Saúde Coletiva, com vistas à organização e a otimização dos resultados do PSF.
  • Capacitar profissionais da área da Saúde Coletiva para planejar ações e intervir junto aos membros das famílias e dos grupos sociais, incorporando novas tecnologias e procedimentos de última geração na Área da Enfermagem.

 

COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

No desenvolvimento do seu processo de trabalho deve estar capacitado a tomar decisões que viabilizem o uso apropriado, eficácia e custo efetividade, da força de trabalho, insumos e medicamentos, procedimentos técnicos e uma prática assistencial de segura e de qualidade. No âmbito profissional os enfermeiros devem estar aptos a desenvolver ações de prevenção de doenças, promoção, recuperação e reabilitação da saúde em níveis individuais e coletivos. Deve também manter uma boa comunicação verbal e não-verbal, acessível e ética, habilidades de escrita e leitura; e domínio de tecnologias de comunicação e informação. No cotidiano do trabalho deve ter aptidões de liderança como compromisso, responsabilidade ética e habilidade de administração e gerenciamento de serviços de saúde.

 

Contato

Quer obter mais informações do curso de Enfermagem da Esamaz? Então entre em contato através dos dados abaixo:

Coordenador(a) do Curso:

Profª Elizangela Mendonça

E-mail:

enfermagem@esamaz.com.br

Telefones:

(91) 3222-1317 / 3224-7720

Anexos

Faça download de anexos e informativos referentes ao curso de Enfermagem da Esamaz através dos links abaixo:

Corpo Docente - Enfermagem

Conceito Obtido nas Avaliações do MEC - ENF

Regimento Geral

Grade Curricular - Enfermagem

Curso de Enfermagem

Tire sua dúvida!

Preencha os campos abaixo para enviar sua dúvida. Nossa equipe responderá o quanto antes para você: